Conheça a sua nova CEO

Coluna publicada originalmente no blog Imobi Report da Agência CUPOLA

Último mês do ano que marcou nossas vidas e entra para a história como um divisor dos tempos.

Foi preciso revisitar crenças, padrões, comportamentos e mudar nossos hábitos. Acelerar na transformação digital e quebrar paradigmas como distâncias e ressignificar o senso de comunidade. Fomos desafiados a manter a gestão à distância, motivando e cuidando da equipe, atribuindo ainda mais responsabilidade a cada um de nós e reforçando a habilidade de autogestão. 

No ano em que aprendemos a valorizar ainda mais e promover a saúde, a empresa de auditoria multinacional KPMG divulgou em novembro o estudo sobre “o poder das mulheres em negócios familiares”. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), 90% das empresas no Brasil são familiares, representam 65% do Produto Interno Bruto (PIB) e empregam 75% da força de trabalho do País.

O setor imobiliário também reflete este percentual, com tradicionais empresas que levam o sobrenome da família como marca. 
Agora, quando falamos de empresas familiares, o papel da mulher na gestão ganha ainda mais lugar de destaque, é o que reforça o relatório da KPMG: “as maiores melhorias na lucratividade da empresa familiar ocorrem quando o CEO é uma mulher da família”.

Ainda de acordo com o relatório, “devido à influência da sociedade com preconceitos culturais ou tradições familiares em algumas áreas do mundo, as mulheres podem ser consciente ou inadvertidamente entregues à função de ‘chief emotional officer’ (chefe emocional). 

Exercemos esse papel oculto de ‘CEO’ cuidando das necessidades emocionais da família, mantendo-a unida e perpetuando os valores e tradições da família para a próxima geração.
Este cargo pode parecer utópico para você, mas para a Ambev ele não é. Em junho deste ano, Mariana Holanda, assumiu como a primeira diretora de Saúde Mental da Ambev.

“A gente precisa trazer um olhar para o ser humano na sua totalidade. Na companhia, já vínhamos antecipando essa conversa ao trazer atenção para características como vulnerabilidade, empatia, escuta propensa ao outro”, afirmou para reportagem da Exame.

A pesquisa da KPMG mostra que algumas mulheres em negócios familiares continuam a desafiar os estereótipos de papéis quando conseguem manifestar simultaneamente habilidades únicas de liderança, contribuindo com as características inatas femininas como nutridoras e cuidadoras, o que se traduz em um papel como “chefe emocional”, refletidos em fator de sucesso e perpetuidade de negócios da família. 

O que a Ambev demonstrou com a criação de uma diretoria dedicada à saúde mental é parte da construção deste modelo de liderança preocupado com o cuidado das pessoas que pertencem ao coletivo empresarial. 

E se os dados da pesquisa reforçam o importante papel das mulheres na direção de empresas familiares, a atitude da 14ª maior empresa do país em receita líquida e que controla cerca de 68% do mercado brasileiro de cerveja mostra uma tendência para os modelos de gestão.

Sabemos que as habilidades destacadas aqui são dons mais naturais às mulheres, contudo, não são exclusivas para nós. Cabe também à liderança masculina aprender sobre os cuidados e atenção de um “chefe emocional”, ou responsável pela saúde mental de uma organização. 

Dezembro é tempo de planejamento e saber da importância de cuidar e olhar pela equipe que irá conduzir as metas do próximo período abre espaço para que a sua empresa acolha essa nova posição de CEO: a de Chief Emotional Officer. 

***

Mensalmente Elisa Tawil escreve para o blog da Imobi Report, leia os textos aqui.

Compartilhe esta postagem
Elisa Tawil é a Idealizadora, co-fundadora e líder do Mulheres do Imobiliário. LinkedIn Top Voices, TEDx Speaker, produz e apresenta o podcast Vieses Femininos. Colunista HSM Management, do Imobi Report e Exame Invest, atua pela equidade de gênero especialmente no setor imobiliário. Autora de Proprietárias: A ascensão da liderança feminina no setor imobiliário.

Não há comentários neste post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Shopping Cart